sábado, 27 de Outubro de 2007

Métodos Contraceptivos Naturais- Método da Temperatura Basal

O método da temperatura basal corporal "concentra-se" nas alterações da temperatura basal que ocorrem na mulher durante o seu ciclo de menstrual. A temperatura basal corporal corresponde à temperatura estável do corpo, obtida após um período de total repouso, normalmente pela manhã (período do dia em que a temperatura do corpo é mais baixa).
Antes da ovulação, que corresponde ao período fértil, a temperatura basal corporal permanece em nível baixo, temperatura estável. Depois da ovulação, a temperatura basal aumenta ligeiramente 2 a 5 décimos de grau, permanecendo com estas novas alterações até a próxima menstruação. Este ligeiro aumento de temperatura resulta do aumento dos níveis de progesterona. Assim sendo, a ovulação (fase fértil) corresponde à temperatura mais baixa. Através do registo da temperatura ficamos a saber que a diferença de temperatura entre a última temperatura baixa e as três temperaturas altas que se seguiram indica a mudança da fase da ovulação para a fase pós- ovulação (segunda fase do ciclo), mantendo-se a temperatura alta até a próxima menstruação.
É um método que pode falhar pois os dias antes da ovulação já são férteis e não podemos detecta-los através da temperatura, e a temperatura basal pode subir por outros motivos que não a fase de ovulação.
Modo de uso do método
- No primeiro dia do ciclo menstrual (e todos os dias seguintes do ciclo) medir diariamente a temperatura basal durante 5 minutos, de manhã (tendo um repouso no mínimo 5 horas) ao acordar e em jejum, antes de realizar qualquer actividade. Deve-se ficar a conhecer qual a sua variação normal de temperatura basal;
- A temperatura deve ser registada num gráfico (durante dois ou mais ciclos menstruais), o qual nos permite ver que a uma determinada altura a temperatura sobe ligeiramente após a ovulação e mantém-se mais ou menos nessa temperatura até a próxima menstruação;
- Abster-se de relações sexuais durante a primeira fase do ciclo (antes da ovulação) e até a manhã do quarto dia (fim do período fértil), em que se verifica a quarta temperatura acima da linha base;
- Registar no gráfico os factores que podem alterar a temperatura basal, como:
Mudanças de hora da verificação da temperatura;
Ingestão de bebidas alcoólicas;
Perturbações do sono ou sono interrompido;
Doenças como a gripe ou outras infecções;
Mudança de ambiente;
Perturbações emocionais, fadiga, strees,...;

Vantagens
Não necessita de gastos financeiros;
Não apresenta possíveis efeitos colaterais;
Não tem efeitos sobre as hormonas;
Pode ser utilizado depois do parto(não prejudica a lactação), e durante a gravidez;
Pode ser um bom guia para o bem estar ginecológico, pois alerta para problemas ou irregularidades do ciclo;
Desvantagens
A eficácia é considerada baixa;
Alteram o comportamento sexual do casal;;
Não oferecem qualquer protecção contra doenças sexualmente transmitidas
Este método é caracterizado por ser um método natural, técnicas para evitar a gravidez mediante a observação de sinais e sintomas que ocorrem naturalmente no organismo feminino durante o ciclo menstrual. Mas apesar de não apresentar nenhum efeito secundário como muitos dos métodos contraceptivos tecnológicos, os métodos naturais são métodos de eficácia relativamente baixa.

Sem comentários: